18.9.16

Entrevista: Rô Mierling



Rô Mierling é uma escritora nacional de suspense e terror psicológico. Ela será a primeira mulher brasileira a ser publicada pela editora DarkSide Books. Seu novo livro, Diário de uma Escrava, que será lançado no dia 31 de outubro, teve mais de um milhão de visualizações no Whattpad, plataforma que permite que escritores publiquem e interajam com leitores gratuitamente. Além de romances, a autora também escreve contos e poesias, tendo participado de diversas antologias. Ela tem mais de dez anos de carreira, e iniciou como ghost writer e hoje tem cinco livros publicados além das antologias.
Fiquei muito feliz ao receber a proposta de parceria relâmpago e aceitei imediatamente! É legal ver nossos escritores crescendo e se destacando no mercado literário e só posso dizer que fiquei muito feliz pela Rô!


Biografia:  Rosana Erbe de Freitas, conhecida como Rô Mierling, é uma escritora gaúcha residente em Buenos Aires. Participa dos projetos Divulga Escritor e Clube de Autores. Venceu 9 prêmios literários e agora assinou um contrato com a editora DarkSide Books que promete alavancar sua carreira no mercado editorial brasileiro

Eu fiz uma entrevista com a autora para que vocês a conheçam melhor. Caso se interessem, podem conhecer mais sobre o trabalho dela pelo site e pela fanpage

⁃ Entre contos, romances e antologias você tem muitas obras publicadas. Como começou o seu contato com a Literatura e como isso influenciou sua decisão de ser escritora?

Eu comecei escrevendo e pesquisando para ajudar professores universitários. ajudava em artigos e pesquisas científicas e comecei a desenvolver o gosto maior pela escrita. Dai para ajudar escritores atuando como ghost writer e depois escrever meus próprios livros foi muito rápido.

⁃ Vi que você tem uma cadeira na Academia Internacional de Letras, Artes e Ciências "século 21". Como foi o processo dessa conquista?

Escrevo de tudo um pouco e em dado ano passei a escrever poesias góticas e dramáticas e esses textos chamaram a atenção dessa notória academia e tive essa alegria.

⁃ Você já sacrificou muito sua vida pessoal para correr atrás do seu sonho de ser escritora? Como?

Um pouco de tempo sacrificado, mas vale a pena.

⁃ Fiquei sabendo que será a primeira mulher brasileira a ter um livro editado pela Dark Side. Qual é a sensação de ser publicada por uma editora em alta no mercado e totalmente voltada ao seu público?

SURREAL, ainda sinto palpitações só em pensar. É uma editora FANTÁSTICA.

⁃ Quais foram as maiores dificuldades que você encontrou até chegar até aqui? Valeram a pena?

Preconceito contra o gênero terror, falta de oportunidade em divulgações, falta de distribuição de livros de autores independentes, foram algumas das dificuldades, mas vale a pena. 
Espero que vocês conheçam o trabalho da Rô e que se interessem por ele. Confesso que fiquei bastante curiosa para conhecer as suas obras, pois adoro terror psicológico. Além disso, a própria edição da DarkSide já me deixou bem curiosa quanto à capa. Provavelmente será mais um daqueles livros que tenho vontade de dedicar um cantinho especial da estante a eles.

8 comentários:

  1. Que notícia maravilhosa, adorei saber que temos uma mulher representando o terror psicológico, ainda não conhecia a escritora e amei tudo que ela respondeu. ♥
    Segue meu blog, te seguindo como Art of life and books.
    Art of life and books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fique bem feliz com a notícia!! Vou lá conhecer, beijos, seja bem vinda a bordo!

      Excluir
  2. Adorei a notícia sobre ela ser a primeira escritora brasileira que vai ser publicada pela Dark Side Books (um grupo que tem muito cuidado com seus títulos e que é altamente criativo). Realmente o mercado editorial seleciona muitos autores e infelizmente não consegue publicar todas as obras. Gostei bastante da entrevista.

    Abraços!
    http://umlivroabertoig.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que ela obtenha sucesso. E que consiga mostrar ao mundo suas outras obras... Essa situação do mercado editorial realmente é triste...
      abraços!

      Excluir
  3. Fiquei empolgada em saber que uma mulher brasileira vai ter seu livro publicado pela DarkSide. E se o livro é da DarkSide eu provavelmente vou me interessar por ele.
    Gostei da entrevista! Espero que a autora tenha muito sucesso com seus livros :D

    www.epilogoembranco.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também espero muito o sucesso da autora. E DarkSide já é um bom motivo para querermos o livro! hahahah
      Que bom que gostou!
      Seja bem vinda a bordo!!

      Excluir
  4. Finalmente arranjei um tempinho pra vir aqui me atualizar nos seus posts! Fiquei muito curiosa para conhecer os livros da Rô, porque ultimamente ando querendo muito ler terror. Acho que vou aguardar o lançamento pra poder pesquisar melhor, ainda bem que falta pouquinho tempo!
    Na entrevista, me chamou bastante atenção o fato de ela ser a primeira mulher brasileira a publicar com a DarkSide. Os gêneros fantasia e terror são um pouco subestimados aqui no Brasil. A gente consome o que vem de fora, mas não quer arriscar conhecer o que é criado aqui, e isso é uma pena. Fico felizes de a DarkSide, que é especializada nesses dois gêneros, ter decidido dar atenção a uma escritora brasileira, e espero que venham muitos outros escritores e escritoras depois dela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não vejo a hora que lance este livro para conhecê-lo melhor. Esses gêneros são bastante subestimados por aqui, infelizmente :/ Ainda bem que isso está mudando, embora bem aos pouquinhos...
      Vou já passar no seu blog e me atualizar nos seus posts também! Ando tão sem tempo...

      Excluir

Quero saber sua opinião! Ficarei muito feliz com o seu comentário!



Ilustração por Wokumy • Layout por